Radares e aviões de combate ‘rastreiam’ Papai Noel na noite de Natal

 

O Comando de Defesa Aeroespacial da América do Norte (Norad, sigla em inglês) aplica os mesmos recursos que utiliza na proteção territorial continental para “localizar e seguir” Papai Noel em seu trenó guiado por renas quando voa levando presentes na noite de Natal.

Os funcionários e oficiais do Norad levam muito a sério seu trabalho na véspera do Natal: atendendo chamadas, respondendo e-mails e fornecendo imagens “ao vivo” do Papai Noel. As informações são encontradas em vários meios, incluindo redes sociais, e são publicadas em oito idiomas.

A tradição de seguir os passos do Papai Noel começou em 1955, quando o então Comando Aéreo Continental (precursor do Norad) recebeu a chamada de um menino perguntando por “Santa Claus”, nome dado ao “bom velhinho” no hemisfério norte.

Como parte de uma estratégia de mercado, um vendedor havia publicado em um jornal local um telefone para que as crianças pudessem conversar com o Papai Noel e saber a sua localização. Por um erro de impressão, o número publicado acabou sendo o do centro de comando.

“O comandante encarregado naquela noite reagiu rápido e deu ao menino a informação como se estivesse falando da parte do Papai Noel”, disse à BBC o tenente canadense Alain Blondin, porta-voz da Norad.

“O comandante instruiu à sua equipe que continuassem recebendo as chamadas durante a noite e respondessem as perguntas das crianças.”

O Norad (uma aliança de defesa continental entre os Estados Unidos e o Canadá) continuou com a tarefa de “rastrear” o voo do trenó de Papai Noel desde que o centro foi formado, em 1958.

Tecnologia de ponta

O comando tem a tecnologia para detectar qualquer objeto que penetre o espaço aéreo ou marítimo, disse Blondin. “Os mesmos equipamentos que usamos nas nossas tarefas cotidianas são aplicados durante a véspera de Natal, para encontrar o Papai Noel.”

Isso envolve satélites, radares baseados em terra e no mar, assim como os pilotos em aviões de combate que, durante a noite, “interceptam” o trenó e fornecem imagens.

“Uma das características particulares do trenó do Papai Noel é uma de suas renas, Rudolph”, diz o tenente. “Seu nariz emite um sinal infravermelho que é muito fácil de detectar com nossos satélites.”

Estas imagens ficam disponíveis no site de compartilhamento de vídeos YouTube à medida em que forem geradas, na noite de Natal.

Milhões de usuários

Segundo Blondin, além do YouTube, redes sociais, como o Facebook e o Google Plus, e aplicativos para smartphones são usadas para ver a localização do Papai Noel. Alguns sistemas de navegação em automóveis também podem ser usados para rastrear o “bom velhinho”.

No ano passado, o Norad registrou mais de 15 milhões de usuários únicos e, atualmente, tem 750 mil seguidores no Facebook, segundo o porta-voz.

Naturalmente, o centro de operações continua recebendo chamadas por telefone e respondendo e-mails, um trabalho realizado de maneira voluntária por efetivos (na ativa e na reserva) do Norad.

O Norad começou a rastrear o sinal do trenó à 1h GMT deste 24 de dezembro, quando o Papai Noel estaria na região oriental da Rússia, pouco depois de sair do Polo Norte.

Fonte: Agência Estado

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s