São Paulo vai criar centro de biocombustível para aviação

 

A Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa no Estado de São Paulo) quer incentivar as pesquisas em biocombustíveis para a aviação.

A ideia é criar um centro de estudos sobre biocombustíveis em parceria com a Embraer e a Boeing e encontrar uma forma de produzi-los para avião em escala comercial.

Hoje existem pelo menos sete tecnologias para produzir combustíveis alternativos para aviões, de acordo com Alexandre Filogonio, gerente de projetos de combustíveis alternativos da Embraer.

Algumas já estão sendo testadas até em voos intercontinentais (em agosto do ano passado, um Boeing atravessou o Atlântico abastecido por biocombustíveis).

“O problema é a produção. A tecnologia hoje não dá conta de abastecer a frota disponível [24 mil aeronaves].”

Segundo Mauro Kern, vice-presidente da Embraer para novos projetos de aviação comercial, os combustíveis “verdes” podem reduzir em até 80% as emissões de gases-estufa (já 70% menores do que eram há 40 anos). O setor aéreo mundial espera cortar as emissões pela metade até 2050.

Fonte: Folha.com

Um pensamento sobre “São Paulo vai criar centro de biocombustível para aviação

  1. Com o monopólio do govêrno federal/Petrobras, quero ver a situação, dos novos combustíveis e os preços.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s