American terá que se fundir com US Airways, diz especialista

 

American Airlines | Boeing 777-200ER @ SBGR

A American Airlines está “encurralada” e pode não ter outra alternativa do que se fundir com a US Airways para escapar da falência, de acordo com Daniel Akins, um especialista do mercado de aviação, durante uma audiência realizada por um tribunal de falências de Nova York, que reuniu também representantes dos sindicatos dos comissários de bordo.

“A American Airlines não é mais um negócio viável, mas a fusão com outra companhia garantiria sua sobrevivência”, afirmou o especialista, que sugere urgência na operação. “Não há alternativa para a companhia. É algo inevitável. A consolidação é o caminho óbvio para que o se-tor aéreo nos Estados Unidos permaneça competitivo”, disse o especialista.

Na audiência realizada ontem, os comissário de bordo apelaram contra o pedido da concordatária American Airlines, presidida desde o fim do ano passado por Thomas Hor-ton, de cancelar benefícios trabalhistas de pilotos, comissários e funcionários de manutenção, uma das medidas para reduzir custos e sanear as receitas da empresa.

“Eu nunca vi um plano de negócios em que não houvesse um severo corte de custos, sobretudo os trabalhistas”, disse Akins durante seu testemunho no tribunal de falências.

Fonte: www.jetsite.com.br

Anúncios

American solicita ao DOT 17 novos voos para Brasil

Boeing 737 da American

A American Airlines apresentou hoje um requerimento junto ao Departamento de Transporte (DOT) dos Estados Unidos para o direito de voar 17 frequências semanais adicionais entre os Estados Unidos o Brasil ainda este ano.

A American disse que usará as frequências para aumentar serviços dos hubs de Miami e Nova York (JFK) para cidades no Brasil. A empresa propõe aumentar o serviço atual entre JFK e São Paulo(GRU), assim como entre Miami e Rio de Janeiro. A aérea também propõe converter o voo diário entre Miami para Recife – Salvador, um voo com escalas, para voos diretos cinco vezes por semana, entre Miami e Recife e entre Miami e Salvador.

A American se propõe a iniciar um segundo voo diário entre JFK e São Paulo (GRU) em 1º de outubro; aumentar o serviço entre Miami e Recife, e Miami e Salvador, a partir de 15 de novembro; e adicionar um segundo voo diário entre Miami e o Rio de Janeiro em 15 de dezembro.

“O Brasil é um mercado crescente e muito importante para a American Airlines”, diz o diretor comercial da American, Virasb Vahidi. “Com essas frequências adicionais, ofereceremos aos nossos clientes ainda mais opções de viagens ao Brasil – a maior economia da América Latina.”

A American aumentará o número total de voos semanais entre Dallas-Fort Worth (DFW, no Texas) e São Paulo de sete vezes por semana para 12 vezes por semana, com inicio em 14 de junho. Também, em 14 de junho, voos de Miami para Brasília (BSB) e Belo Horizonte (CNF) aumentarão de cinco e três vezes por semana, respectivamente, para voos diários.

Além dos serviços adicionais entre DFW e São Paulo, a American iniciará um novo serviço que conecta o hub de Miami a Manaus, com início em junho.

Fonte: www.panrotas.com.br

Rapidinhas…

Copa terá aviões maiores na ligação Porto Alegre-Panamá

 

Em maio, os voos diários da Copa Airlines entre Porto Alegre e a Cidade do Panamá serão operados com aviões Boing 737-800, o que irá ampliar em 30% a oferta de assentos, para 160 lugares. A novidade foi antecipada hoje, 26, ao secretário municipal de Turismo, Raul Mendes da Rocha, pelo executivo de Vendas da aérea para a Região Sul, João Batista Ribeiro. “A operação virou um case de sucesso na empresa e num curto espaço de tempo, justificando a maior freqüência de voos e, agora, novas aeronaves com mais capacidade”, explica ele.

 

AA está na mira da US Airways

Airbus A321 da US Airways

A US Airways anunciou ter obtido o apoio dos três principais sindicatos da AMR, a dona da American Airlines, para uma fusão entre as duas grandes companhias aéreas americanas. O apoio foi declarado em antecipação a um aguardado pedido da AMR ao tribunal que supervisiona sua concordata para que os atuais contratos trabalhistas sejam anulados. A American anunciou a meta de sair da concordata como uma empresa independente.

 

SAA amplia número de destinos servidos na África

A South African Airways acaba de introduzir mais um destino na malha área africana.  Com foco no crescimento da empresa no continente, a SAA começou a voar no mês passado para Cotonou, em Benin. Na verdade, a companhia estendeu a rota lançada em janeiro para Pointe Noire, no Congo, para servir Cotonou. São dois voos semanais a bordo do Airbus A319.

 

Lucro da Lan deve cai 22% e faturamento pode alcançar US$ 1,5 bilhão no 1°trimestre

O lucro líquido da empresa aérea chilena Lan deve cair 22,3% no primeiro trimestre por causa do aumento dos preços de combustível e a reestruturação de seus custos na Colômbia, segundo analistas consultados. A Lan, que se encontra na fase final de fusão com a Tam, deve reportar lucro líquido de US$ 75,5 milhões. A receita esperada é de US$ 1,54 bilhão, alta de 12,8%.

Com reestruturação, AMR perde US$ 1,66 bilhão no 1º tri

 

American Airlines | Boeing 777-200ER @ SBGR

A AMR Corp, originada da American Airlines e em concordada desde novembro passado, registrou grandes perdas no primeiro trimestre do ano devido a US$ 1,4 bilhão de itens ligados a sua reestruturação. Essa soma, que inclui mudanças relacionadas com as renegociações da empresa após a concordada, ampliou suas perdas para US$ 1,66 bilhão, comparadas com o prejuízo de US$ 436 milhões contabilizado há um ano.

A American, a terceira companhia aérea dos Estados Unidos por tráfego, afirmou que seus custos unitários, excluindo combustível, aumentaram 0,9% em função de melhora no desempenho operacional, inverno moderado no trimestre e economia relacionada com a concordata. A conta de combustível da empresa, por sua vez, cresceu 18%, para US$ 2,17 bilhões, o que se transformou em única maior despesa da companhia.

Apesar da conotação negativa da concordata, a receita da AMR cresceu 9,2%, para US$ 6,04 bilhões, no primeiro trimestre. As informações são da Dow Jones.

Fonte: Agência Estado

AA confirma 777-300ER em São Paulo e voos extras em julho

Boeing 777-200ER da AA

A American Airlines inicia em dezembro seus voos com o 777-ER 300, o mais moderno da sua frota na rota entre São Paulo e Dalas. A informação foi confirmada hoje por Frances Pina, gerente de Vendas e Marketing para o Rio e região Norte. Além disso também estão confirmados para a temporada de férias em julho os voos extras, procedentes do Brasil chegando  a 88 frequências semanais na temporada de verão nos EUA. “Atualmente as taxas de ocupação médias estão em 85% e a empresa já estuda tornar o voo Rio-Dallas diário. Já está definido o aumento de mais uma frequência em julho passando para quatro semanais”.

Em relação a Manaus, cujo voo tem início no dia 14 de junho, Frances Pina  afirmou que serão quatro voos semanais e o lançamento oficial será dia 15 de maio, na capital amazonese com início das operações em junho. “Nossa expectativa é grande e a procura pelo novo voo é enorme tanto que tínhamos uma tarifa promocional que já está esgotada por menos de US$ 600”, adiantou.

A dirigente, acompanhada da gerente corporativo da AA, Ana Paula e de Tatiana Campos e Danielle Barros, todas da American, prestigiou hoje o almoço oferecido pelo turismo do Texas a agentes de viagens na churrascaria Fogo de Chão, no Rio de Janeiro.

Fonte: www.mercadoeeventos.com.br

Gol e American Airlines têm acordo até 13 de agosto

Boeing 767 da AA

O acordo de compartilhamento de voos entre a Gol e a American Airlines se encerra no dia 13 de agosto, informou a companhia norte-americana. A partir desta data também será interrompida a integração entre os programas de milhagem das duas companhias.

O fim da parceria entre as aéreas foi anunciado em dezembro do ano passado, depois que a norte-americana Delta Airlines entrou no capital da Gol com uma participação minoritária.

Em seu site, a American Airlines informa que todos os prêmios de viagem da Gol devem ser reservados e emitidos até 12 de agosto. As viagens marcadas com as milhas obtidas na companhia devem ser realizadas em até um ano a partir desta data. Além disso, a American afirma que seus clientes não poderão fazer alterações nos trechos voados pela Gol durante esse período.

Na época do anúncio do negócio com a Delta, o presidente da Gol, Constantino de Oliveira Junior, disse que o acordo com a American Airlines seria mantido até o final do contrato, porém não informou data. Segundo ele, havia a possibilidade de renovação, porém em condições diferentes das atuais. Procurada, a Gol informou que não há informações sobre negociações com a American nesse sentido.

Fonte: Agência Estado

“Main Cabin Extra” é novidade na AA

Boeing 777 da AA

American Airlines vai instalar a “Main Cabin Extra” em toda a sua frota A American Airlines anunciou ontem que pretende otimizar toda sua frota principal com a instalação da “Main Cabin Extra” (nome dado ao que será uma nova classe Premium Economy), que oferecerá mais espaço para as pernas (entre 10 e 15 cm a mais, dependendo da aeronave), assim como prioridade no embarque.

A American planeja iniciar a instalação este ano e, ao longo do tempo, irá atualizar todas suas aeronaves. Os novos Boeing 737-800 serão entregues à AA no outono, com a Main Cabin Extra já instalada. As aeronaves já encomendadas, que incluem Airbus A321 e A319, assim como Boeing 777-300ER e 787, também oferecerão a nova cabine.

Os assentos da Main Cabin Extra estarão localizados na parte da frente da cabine de classe econômica. Os membros Executive Platinum e Platinum do programa AAdvantage, assim como os passageiros que comprarem um bilhete tarifa cheia de classe econômica receberão acesso gratuito à Main Cabin Extra, sujeito a disponibilidade.

Da mesma forma, os membros AAdvantage Gold receberão acesso gratuito ao novo produto, até 31 de dezembro de 2013. Para os clientes que quiserem comprar assentos na Main Cabin Extra, os preços vão variar entre US$ 8 e US$ 108 por trecho, dependendo da distância do voo.

O novo produto começará a ser disponibilizado na primavera deste ano, para viagens a bordo de aeronaves 777-300ER. Mais informações: www.AA.com/MainCabinExtra .

Fonte: www.jetsite.com.br